• Parada Literária

Poesia que Transforma

Atualizado: 21 de Jul de 2020

Sobre o poder transformador da poesia.

É impressionante como o Nordeste, além de ser a região mais linda com seus nove estados, é tão rica. Quanta cultura partiu e ainda parte de lá e enche a nós brasileiros de orgulho. Foram daquelas terras, algumas áridas, que despontaram alguns de nossos maiores escritores: Jorge Amado, Graciliano Ramos, José Lins do Rego, Rachel de Queiroz, Augusto dos Anjos, o também poeta João Cabral de Melo Neto, e muitos outros. Só por essa turma que citei poderíamos dizer que estamos bem servidos de literatura de qualidade. Mas não acabou!


De uma cidadezinha do interior do Ceará, chamada Alto Santo, saiu um rapaz com um sonho, o sotaque bem carregado que ama e honra suas raízes, e o coração cheio de poesia, chamado Braulio Bessa.


Quando via o Braulio na televisão pensava, cheio de preconceito, que tratava-se de mais um artista fabricado pela mídia, sem história, sem vida, sem literatura.

Que engano!

Que o medo de cair não lhe impeça de voar. Que o medo das feridas não lhe impeça de curar. E que o medo do toque não lhe impeça de abraçar.

Como um leitor e verdadeiro amante da literatura brasileira e nordestina, é com o coração cheio de alegria e orgulho que eu li o livro do poeta Braulio Bessa e o recomendo a todo mundo.

Meu Deus, que livro LINDO! É impossível não ser transformado por sua poesia e se emocionar a cada verso.


Seu livro é uma verdadeira pérola que, além de poesia de cordel bem feita e de alta qualidade, também nos presenteia com sua história de vida. Cada verso, cada rima, são carregados de sentimento e vão entrando pra dentro da gente como um bálsamo. Além disso, o livro também é belíssimamente ilustrado por Elano Passos.


O que senti falta no livro foi um glossário ou notas de rodapé para explicar alguns vocábulos nordestinos... Rsrs...


Deixo abaixo uma excelente entrevista com o Braulio, no programa Trilha de Letras:.

Um cheiro!



22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo