• Parada Literária

10 livros divertidos e interessantes que você precisa ler!

Conheça aqui uma indicação de dez obras interessantes e divertidíssimas que você precisa ler, se ainda não leu, da nossa literatura e da literatura estrangeira. Se já leu e gostou, recomende-os aos seus amigos - afinal, uma boa história deve ser sempre compartilhada!

Literatura Brasileira


1. O Meu Pé de Laranja Lima – José Mauro de Vasconcelos

“Ele não sabia o que o céu significava pra mim.” Uma história linda, emocionante, que pode fazer brotar lágrimas nos olhos do leitor mais insensível. José Mauro de Vasconcelos é um dos escritores brasileiros menos lidos, o “Meu Pé” é sua obra mais conhecida, e que, inclusive, ganhou continuações. O protagonista é o pobre e travesso menino Zezé, que aprendeu a duras penas as dificuldades da vida. Lembre-se de deixar o lencinho sempre à mão quando for lê-lo.

2. O Grande Mentecapto – Fernando Sabino

“Oh Minas Gerais, quem te conhece não esquece jamais!” Um aventura deliciosa, inesquecível, com gosto de infância e nostalgia por Minas Gerais, uai! O incompreendido Geraldo Viramundo parte numa viagem rocambolesca, e se mete nas mais variadas confusões. A única coisa que faltou neste livro são os personagens comendo pão de queijo... Garantia certa de boas gargalhadas!



3. A Pata da Gazela – José de Alencar

Já sei: lá na escola mandaram você ler Iracema. Você não entendeu nada do livro e ainda ficou traumatizado. Pois A pata da gazela vai destraumatizá-lo querido leitor. É um livro leve, divertido, bem escrito e com final surpreendente! A obra do Alencar é domínio público, isso significa que você encontra esse e outros títulos dele em e-book para baixar. Se você duvida faça o teste aí!

4. Contos de Aprendiz – Carlos Drummond de Andrade

Drummond é conhecido principalmente pela sua poesia, mas poucos sabem que ele também foi cronista e contista. É inacreditável quando o próprio poeta diz que estava "experimentando" a arte da narrativa curta quando lemos seus contos. A bem da verdade, ele já possuía o domínio da pena ao entrar no mundo dos contos e crônicas que, aliás, na sua época ele foi amigo dos grandes escritores do gênero, como Sabino e Rubem Braga. Vai que eles deram uma forcinha pra ele e não sabemos né?!

5. Manuelzão e Miguilim – João Guimarães Rosa

Obra que abre a saga Corpo de Baile de Guimarães, mais especificamente Campo Geral, é uma novela deliciosa e comovente que narra a história do menino Miguilim, que ao final da saga retorna adulto como Miguel. João Guimarães Rosa é o escritor que soube trazer o sertão para a literatura de uma maneira que nenhum outro o fez. Há poesia, drama, ação, filosofia e misticidade em suas obras. Caro leitor, o menino Miguel vai deixar você com vontade de entrar dentro do livro e dar um abraço nele, ou trazê-lo para casa. Um dos livros mais lindos escritos por Rosa, e um dos mais belos da literatura brasileira.


Literatura Estrangeira


6. Festa no Covil – Juan Pablo Villalobos

¡No manches wey, que esta novela está muy padre! Sim, isso mesmo, muito legal! Tochtli narra suas aventuras com toda a inocência e ingenuidade de uma criança, e coloca a nós leitores diante de uma realidade não tão distante e nos faz pensar, mais uma vez, na linha que separa a realidade da ficção. Com boas doses de humor e algumas gargalhadas vamos conhecendo o mundo de Tochtli e nos dando conta de que a realidade que cerca o garoto é mais dura que seu mundo de sonho e fantasia. Por falar nisso, você sabia que existem hipopótamos anões da Libéria?

7. Fahrenheit 451 – Ray Bradbury

Já imaginou um mundo onde livros são proibidos e queimados? Apavorante não é? Credo, nem gosto de pensar nisso! Pois eis que Ray Bradbury pensou exatamente nisso ao escrever este livro. Uma das três principais distopias modernas, Fahrenheit 451 é leitura ‘obrigatória’ para todo amante da literatura. Depois desse livro você nunca mais vai olhar um bombeiro da mesma forma, hehehe...

8. A História Sem Fim – Michael Ende

Bastian não podia jamais imaginar o que a vida lhe estava reservando. Ele menos ainda sabia que o futuro de Fantasia estava em suas mãos, pobrezinho! Mas foi inevitável... Quando o destino nos chama não há para onde correr nem onde se esconder, mesmo se for dentro de uma biblioteca! A aventura de um garoto em um mundo mágico que depende muito do nosso mundo, o dito “real”... e o final de derreter o coração. Prepare o lencinho também, por via das dúvidas.

9. A Volta ao Mundo em 80 dias – Jules Verne

Prepare-se para uma aventura bem louca! O livro que você não tem vontade de largar até chegar ao final, e ainda escorre aquela gota de suor da testa porque você está ansioso torcendo pra dar tudo certo. O excêntrico Phileas Fogg se mete em uma aposta de dar a volta ao mundo em 80 dias matematicamente contatos, conforme o título. O problema é que não havia aviões! Você começa a primeira página pensando “Vixi, essa loucura não vai dar certo!”... Será que vai?


10. A Revolução Dos Bichos - George Orwell

Se os animais falassem, o que eles conversariam? Talvez coisas como: “Nossa, a ração que meu dono me deu hoje estava horrível!”, ou “Cansei de ficar olhando a vida pela janela, queria ser livre e ir lá pra fora”, ou ainda “Ah, como eu gostaria de ser um pássaro e voar para longe desta vida miserável!” Pois é, eles não falam, mas se falassem poderiam começar a reivindicar seus direitos. A Revolução dos Bichos é uma fábula que trata de um assunto sério e urgente: a opressão de um governo autoritário e tirano. E não se engane com o título fofo!


Gostou das indicações? Então compartilhe com seus amigos :)

Boa leitura!

65 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo